Informações Gerais

Informações Gerais

Reino Unido (em inglês: United Kingdom - UK), oficialmente Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte é uma união política de quatro nações constituintes: Escócia, Inglaterra, País de Gales e Irlanda do Norte.

População: 63 milhões de habitantes, sendo 8 milhões concentrados em Londres.

Moeda: Libra Esterlina - £ (em inglês: Pound).

Idioma oficial: Inglês. A língua inglesa foi espalhada pelo mundo (principalmente devido ao Império Britânico) e tornou-se a língua dos negócios no mundo. Em todo o mundo, é falada como segunda língua mais do que qualquer outra.
Outras línguas indígenas do Reino Unido são o scots (que é próxima ao inglês) e quatro línguas celtas. As últimas se dividem em dois grupos: duas línguas P-celtas (galês e o córnico); e duas Q-celtas (irlandês e o gaélico escocês). Influências dos dialetos celtas cúmbrico persistiram no Norte da Inglaterra por séculos, mais celebremente em um conjunto de números usados para contar ovelhas. O galês e o gaélico escocês também são falados em pequenos grupos em outras partes do mundo, onde o gaélico ainda é falado na Nova Scotia, Canadá, e o galês na Patagônia, Argentina.

Sistema de Governo: O Reino Unido é uma monarquia constitucional e uma democracia parlamentar com a sede do governo em Londres, a capital. A rainha atual é a Rainha Elizabeth II.

Economia: A economia, uma das mais importantes da UE e do mundo, baseia-se cada vez mais no setor de serviços, embora mantenha uma importante presença no setor da alta tecnologia, assim como em outros setores. Londres é um centro financeiro mundial.

Cultura: O Reino Unido, país da revolução industrial, foi berço de muitos cientistas, entre os quais se destacam Isaac Newton e Charles Darwin. O fundador da economia moderna, Adam Smith, era escocês. A literatura inglesa conta com inúmeros poetas, dramaturgos, ensaístas e romancistas, que vão desde Geoffrey Chaucer, passando por Shakespeare e pelos seus contemporâneos, até uma série de escritores modernos como Doris Lessing, Prémio Nobel da Literatura, e J. K. Rowling, autora da série infanto-juvenil Harry Potter.